Biofabricação: uma tecnologia revolucionária

Nova bolsa da Bolt Threads  Foto: @boltthreads

Nova bolsa da Bolt Threads

Foto: @boltthreads

Na semana passada, contamos aqui um pouco sobre a iniciativa "100% livre de pele animal" adotada pela Semana de Mode de Londres, que acontece agora no mês de setembro.

Do ponto de vista ético, a novidade é sem dúvida incrível! Mas nos faz pensar que tipo de impacto isso pode causar no meio-ambiente, já que geralmente usa-se material sintético para produzir pele falsa, e esses são derivados do petróleo.

Resolvi pesquisar sobre outras alternativas e foi assim que descobri uma tecnologia conhecida por biofabricação.

Como o nome já indica, essa tecnologia então desenvolve e cria produtos a partir da biologia, usando materiais encontrados na natureza. Ela se aproveita de organismos como bactérias, leveduras, algas, células de mamíferos e micélio para desenvolver os mais diversos itens de consumo, como calçados e roupas, móveis e comida.

Peças de seda feitas para a marca Stella McCartney usando tecnologia da Bolt Threads  Foto: boltthreads

Peças de seda feitas para a marca Stella McCartney usando tecnologia da Bolt Threads

Foto: boltthreads

Apesar da biofabricação já estar mais avançada em algumas indústrias, como na alimentícia, na da moda o tema ainda é super novo. Atualmente, três empresas são as principais em encabeçar esse projeto: a Modern Meadow, a Bolt Threads e VitroLabs, que estão trabalhando para oferecer uma alternativa ao couro, seda e pele.

Camiseta desenvolvida para exposição no MoMA usando o ZOA, produto criado pela Modern Meadow.  Foto: wellmadeclothes.com

Camiseta desenvolvida para exposição no MoMA usando o ZOA, produto criado pela Modern Meadow.

Foto: wellmadeclothes.com

O que essas empresas estão fazendo é revolucionário e, sem dúvida, o futuro da moda! Não apenas elas eliminam a necessidade de criar animais com o mero objetivo de usar suas peles e couro, mas tornam todo o processo muito mais rápido e sustentável. Além disso, como todo a fabricação é controlada, é possível alterar as particularidades da matéria-prima, oferecendo-a em diversos formatos e estados físicos, e assim, dando uma maior liberdade de criação aos designers.

Apesar da Bolt Threads ter acabado de lançar sua primeira bolsa com couro alternativo feito à partir de cogumelo, ainda devemos ter que esperar um pouco para que produtos biofabricados comecem a ser comercializados, mas vale ficar de olho!

——————————————————

Biofabrication: a revolutionary technology

Last week, we shared about the “going fur free” initiative London Fashion Week adopted for this next show that happens in September.

From an ethical point of view, this is amazing news! But it also make us think on the impacts it might bring for the environment, since normally the alternative is faux fur, made by synthetic material.

I’ve decided then to research about other alternatives and that’s how I found about a technology known as biofabrication.

As the name says, biofabrication is designing and building products with biology. Harnessing organisms such as bacteria, yeast, algae, mycelium, mammalian cells, to cultivate consumer goods as varied as footwear and furniture to fashion and food.

Although the technology’s more advanced in other industries, such as food industry, when talking about the fashion industry, the subject is pretty new. Currently, there are mainly three companies working on the project: Modern Meadow, Bolt Threads, and VitroLabs, focused on offering an alternative for leather, silk, and fur.

What these businesses are doing is revolutionary and, without a doubt, the future of fashion! Not only eliminates the need of keeping animals with the only goal of using its fur and leather, but makes the entire process much faster and sustainable. Besides, since all manufacturing is controlled, it is possible to change the particularities of the raw material, offering it in various formats and physical states, and thus giving designers more freedom of creation.

Even though Bolt Threads has just launched its first mushroom-based alternative leather bag, we’ll probably have to wait a bit more until started to see biofabricated products on the market, but it’s worth the waiting.

Adriana ZemelComentário